Lote 320
Carregando...

Tipo:
Quadros

Jorge Guinle Filho (Nova York, Estados Unidos 1947 - idem 1987). "Penso Amor", Técnica mista sobre tela com colagem, Assinada e datada 1966 , Med. 145 X 115 cm . Presença de sujicidade sobre a camada pictórica, marcas do tempo, antigo "curativo" e Carimbo no verso da tela. Nota Sobre a obra: Arte Pop. Obra de caráter político, remete ao grito de expressão artístico dos anos 60, aqui representado pela figura do "Pixador". Uma visível crítica a ditadura que teve seu início em 64. Neste momento, aos 19 anos, recém chegado de New York, o artísta usa técnicas inéditas como a utilização de colagem, reciclagem de tela antiga com spray, cola plástica, poemas e frases. Jorge Guinle passa grande parte de sua vida entre Paris e Nova York, onde conhece obras da action painting e da arte pop, decisivas em sua formação e quem a fazer parte do então "MOVIMENTO MARGINÁLIA-ARTE". Que vem a ter no "Tropicalismo" dos anos 60 a importância de um novo momento artístico no Brasil, composto por Glauber Rocha, Antonio Dias, Gerchman, Oiticica, Jorge Guinle Filho, Gal, Gil, Bethania e outros.Um marco criado pela 1º Bienal de artes plásticas de Salvador. Nota de Certiifcação: Acompanha certificado de autenticidade da obra emitido por Marcos Rodrigues. Nota : Esta obra não poderá ser enviada pelos correios.

Peça

Visitas: 163

Tipo: Quadros

Jorge Guinle Filho (Nova York, Estados Unidos 1947 - idem 1987). "Penso Amor", Técnica mista sobre tela com colagem, Assinada e datada 1966 , Med. 145 X 115 cm . Presença de sujicidade sobre a camada pictórica, marcas do tempo, antigo "curativo" e Carimbo no verso da tela. Nota Sobre a obra: Arte Pop. Obra de caráter político, remete ao grito de expressão artístico dos anos 60, aqui representado pela figura do "Pixador". Uma visível crítica a ditadura que teve seu início em 64. Neste momento, aos 19 anos, recém chegado de New York, o artísta usa técnicas inéditas como a utilização de colagem, reciclagem de tela antiga com spray, cola plástica, poemas e frases. Jorge Guinle passa grande parte de sua vida entre Paris e Nova York, onde conhece obras da action painting e da arte pop, decisivas em sua formação e quem a fazer parte do então "MOVIMENTO MARGINÁLIA-ARTE". Que vem a ter no "Tropicalismo" dos anos 60 a importância de um novo momento artístico no Brasil, composto por Glauber Rocha, Antonio Dias, Gerchman, Oiticica, Jorge Guinle Filho, Gal, Gil, Bethania e outros.Um marco criado pela 1º Bienal de artes plásticas de Salvador. Nota de Certiifcação: Acompanha certificado de autenticidade da obra emitido por Marcos Rodrigues. Nota : Esta obra não poderá ser enviada pelos correios.

Informações